Extreme-E apresenta SUV elétrico Odyssey 21 no Festival de Goodwood

0
Divulgação/Extreme-E

Está sendo realizado nesta semana o famoso Festival de Goodwood, evento onde carros e pilotos do passado e do presente se reúnem durante quatro dias em uma grande exibição. E a Extreme-E marcou presença!

E foi justamente este o cenário escolhido, com carros que fizeram sucesso no passado e que fazem parte do presente, que a Extreme E optou por apresentar o seu protótipo, o futuro das provas de off-road: o Extreme E Odyssey 21, o primeiro SUV totalmente elétrico.

Esta foi a primeira aparição pública do SUV elétrico, que desafiará os locais mais inóspitos do planeta a partir de 2021. O carro foi construído pela Spark Racing Technology, a mesma empresa que responsável pelos chassis dos carros da Fórmula E.

Orgulhoso do projeto Extreme-E, o CEO da Fórmula E e fundador da competição elétrica de off-road Alejandro Agag, o SUV Extreme E Odyssey 21 é diferente de qualquer outro carro existente no automobilismo.

“A tecnologia de ponta que nossos parceiros, líderes da indústria, empregaram no seu projeto e construção resultou num carro impressionante, capaz do mais alto desempenho nos ambientes mais difíceis e variados do planeta. A combinação do Extreme E com competições desportivas de alto nível e ambientes ultra exigentes também se revelará uma plataforma de investigação e desenvolvimento significativa para os fabricantes, impulsionando novos avanços na mobilidade sustentável”, declarou o fundador da Extreme-E.

O Extreme E Odyssey 21 está pronto para explorar as condições mais adversas do planeta, das baixas temperaturas do Ártico as temperaturas altas do deserto. Para isso, conta com 400kw (550cv) para impulsionar o veículo, que pesa 1.650 Kg e quase 2,3 metros de largura e chega de 0-100 Km/h em apenas 4.5 segundos, em declives de até 130 por cento.

Sobre o Extreme E:

Extreme E é uma nova série de corridas radicais, que contará com SUVs elétricos competindo em ambientes extremos em todo o mundo. A viagem global de cinco corridas destaca o impacto da mudança climática em alguns dos ecossistemas mais frágeis do planeta e promove a adoção de veículos elétricos para ajudar a preservar o meio ambiente e protejer o planeta.

O Extreme E será realizado em associação com Fórmula E – o organizador do Campeonato de ABB Fórmula E da FIA. A categoria está empenhada em sustentabilidade e minimizar o impacto ambiental – além de desempenhar seu papel na reconstrução e restauração de áreas já impactadas pelas mudanças climáticas.