Veja todas as camisetas amarelas da edição 2019 do Tour de France

0
Veja todas as camisetas amarelas da edição 2019 do Tour de France
Veja todas as camisetas amarelas da edição 2019 do Tour de France

Confira abaixo quais serão as camisas especiais do Tour de France em 2019:

2ª Etapa: O Atomium – Monumento símbolo de Bruxelas construído em 1958;

3ª Etapa: Eddy Merckx – Ciclista belga, pentacampeão do Tour de France e que celebra os 50 anos de sua primeira conquista (1969, 1970, 1971, 1972, 1974);

4ª Etapa: Catedral de Reims – Símbolo da cidade de Reims, onde acontece a largada da etapa;

5ª Etapa: Jacques Anquetil – Ciclista francês, primeiro pentacampeão do Tour de France (1957, 1961, 1962, 1963, 1964);

6ª Etapa: Pelotão e espectadores – Homenagem aos torcedores que apóiam aos ciclistas;

7ª Etapa: Leão de Belfort – Escultura terminada em 1880 na cidade de Belfort, onde acontece a largada da etapa, feita por Frédéric Bartholdi, mesmo criador da Estátua da Liberdade;

8ª Etapa: Bernard Hinault – Pentacampeão do Tour de France e último ciclista francês a vencer a prova;

9ª Etapa: Estádio Geoffroy-Guichard – Construído em 1930, é a casa do time de Saint-Étienne, dez vezes campeão do Campeonato Francês de futebol;

10ª Etapa: Catedral de Sainte-Cécile – Símbolo da cidade de Albi, onde termina a etapa;

11ª Etapa: Jacques Anquetil, Eddy Merckx, Miguel Indurain e Bernard Hinault – Os quatro ciclistas que dividem o posto de maiores campeões do Tour de France com cinco títulos de cada um;

12ª Etapa: Place du Capitole – Símbolo da cidade de Toulouse, onde começa a etapa;

13ª Etapa: Eugène Christophe – Primeiro ciclista a vestir a camisa amarela na 11ª etapa em 1913;

14ª Etapa: Col du Tourmalet – Icônica montanha na região dos Pirineus que é escalada pelo Tour de France desde 1910 e será palco de uma etapa da competição pelo 81º ano;

15ª Etapa: Miguel Indurain – Ciclista espanhol, pentacampeão do Tour de France ((1991, 1992, 1993, 1994, 1995);

16ª Etapa: Arena de Nîmes – Anfiteatro romano construído em 27 a.C. na cidade francesa que recebe a largada e chegada da etapa;

17ª Etapa: Aqueduto de Pont du Gard – Parte de aqueduto romano construído para levar água de Uzès até Nîmes;

18ª Etapa: Col du Galibier – Outra montanha das mais famosas do Tour de France, fica localizada nos Alpes e começou a ser escalada pelos ciclistas em 1911. Desde então, já foi palco de etapas em 59 anos diferentes;

19ª Etapa: Col de l’Iseran – Será a montanha mais alta do Tour de France em 2019, com 2.770 metros de altitude;

20ª Etapa: Paisagem montanhosa – Na maioria das vezes, são nas montanhas que o Tour de France é decidido. Também é lá que grande parte dos torcedores se aglomeram para incentivar os ciclistas e onde nasce a mágica que envolve a camisa amarela;

21ª Etapa: Arco do Truinfo, Avenida Champs-Elysées – Um dos principais símbolos de Paris, também recebe a última etapa do Tour de France em um circuito montado pelas ruas da capital francesa.