Saiba mais sobre as ondas de largadas do L’Étape Brasil

0

Durante o sábado, e em especial no final da madrugada pré largada, ocorrem todas as finalizações de operações técnicas e ciclísticas da prova, sendo essas as horas mais importantes para a organização do L’Étape Brasil e claro, para todos os ciclistas que largarão pontualmente às 7h da manhã do domingo.

Do término das implantações de placas de sinalização às conferências do fechamento de 100% das vias por onde passam os ciclistas, tudo isso é feito com muito cuidado e precisão para que a primeira largada seja dada ao pelotão da frente.

A partir daí, em ondas sequenciais, cada pelotão larga com um intervalo de 3 minutos entre um e outro.

Para o ciclista inscrito, é importante identificar em qual pelotão ele larga, e isso é feito no momento da retirada do kit atleta. Para quem se inscreveu no percurso 66 km, a largada é um pouco mais tarde, às 8h30, também em ondas de 3 minutos.

Esteja atento aos horários de abertura e fechamento dos pelotões de acordo com percurso que irá fazer, confira mais em nosso regulamento.

2020

As inscrições do L’Étape Brasil 2020 seguem abertas e já ultrapassaram a marca de quase 2 mil ciclistas amadores confirmados para 27 de setembro deste ano.

O L’Étape tem o percurso principal com 107 quilômetros de distância e 2.330 metros de altimetria acumulada, o equivalente a subir um prédio residencial de 770 andares. A versão mais curta tem 66 quilômetros.

Link para as inscrições

Os inscritos também recebem no kit oficial uma jersey de ciclismo com chips de cronometragem, números para bicicleta e costas, além de receberem suporte durante a corrida, como atendimento mecânico, médico e de fisioterapia.

Em 2019, a prova teve pela primeira vez a presença do alemão Didi Senft, mais conhecido como o Diabo do Tour ou Didi, the Devil. O animador que se veste de demônio nas etapas do Tour de France esteve na cidade paulista apoiando os ciclistas.

Grandes nomes do esporte, como o treinador Bernardinho Rezende, o campeão olímpico Nalbert e o piloto Ricardo Maurício da Stock Car, participaram do Tour de France. As principais assessorias esportivas do País também mandaram seus representantes.

O título de 2019 do L’Étape Brasil ficou mais uma vez com o ciclista Otávio Bulgarelli, com a marca de 3h07min02s20. O resultado foi definido praticamente no photo-finish, na disputa com Ricardo Pichetta, segundo colocado, colado na linha de chegada.

No feminino, a alemã Nadine Gill não deu chances às adversárias e completou o percurso de 107 quilômetros em 3h15min36, com mais de 15 minutos na frente segunda colocada (Taise Benato). A ciclista amadora também foi bicampeã consecutiva da prova.

 

#letapebrasil #cycling #bike #bicicleta #tourdefrance #ciclismo
#ciclismodeestrada #roadcycling #camposdojordao #sports #letape