Jaguar anuncia encerramento da competição I-PACE eTROPHY após temporada 2019-20

0
Foto: Jaguar Racing

Competição que era realizada pela montadora britânica em paralelo a Fórmula E será encerrada após o término da atual temporada

Em 2018, a Jaguar criou a série eTROPHY – a primeira série internacional de corridas baseada em produção totalmente elétrica do mundo – reforçando seu compromisso com a visão Destination Zero da Jaguar, desenvolvendo a tecnologia de veículos elétricos por bateria através de corridas elétricas.

A criação da série eTROPHY pela Jaguar surgiu após o seu retorno ao automobilismo e a entrada na Fórmula E em 2016. Agora, em seu quarto ano na Fórmula E como Panasonic Jaguar Racing, a equipe de fábrica da montadora britânica seguirá na competição, enquanto a série eTROPHY será encerrada após o término da segunda temporada.

“Nas duas últimas temporadas, o Jaguar I-PACE eTROPHY produziu algumas corridas incríveis em todo o mundo e foi uma adição valiosa à programação da Fórmula E. Juntamente com nossos valiosos participantes e parceiros da série, estamos orgulhosos de ter criado uma competição de primeiro mundo. Juntos, fomos pioneiros nas corridas de veículos elétricos com bateria. Gostaríamos de agradecer a eles por se juntarem a nós nessa jornada e transformarem em realidade o que imaginávamos, ajudando a mostrar à indústria o que podemos fazer em termos de eletrificação no automobilismo”, comentou James Barcley, diretor da Jaguar Racing.

“A competição alcançou muitos dos objetivos que nos propusemos a atingir. No entanto, durante esse período sem precedentes da pandemia de coronavírus, revisamos nossa estratégia e tomamos a decisão de encerrar a série Jaguar I-PACE eTROPHY após duas temporadas bem-sucedidas.”

“Continuamos totalmente comprometidos com o automobilismo elétrico e com o nosso programa Jaguar Racing na Fórmula E como parte importante de nossa transição para a mobilidade elétrica e o Destination Zero. Estou ansioso para que as temporadas de Fórmula E e eTROPHY sejam retomadas quando for seguro para nossa equipe, parceiros e fãs”, completou o dirigente da montadora britânica.

A missão ‘Race to Innovate’ da Jaguar permitiu ao fabricante britânico usar seus conhecimentos e experiência na Fórmula E para transformar o premiado Jaguar I-PACE no primeiro carro de corrida elétrico a bateria de todos os tempos, baseado em um veículo de produção. Continuando a filosofia de longa data da Jaguar para a estrada, a série eTROPHY colocou o Jaguar I-PACE em condições extremas de corrida e as duas primeiras temporadas renderam uma série de aprendizados valiosos e transferíveis para seus carros de produção.

Um dos principais benefícios derivados do aprendizado eTROPHY foi uma atualização de software gratuita para todos os proprietários existentes do I-PACE que forneceu até 20 km de alcance adicional com uma carga completa. A atualização, disponível a partir de dezembro de 2019 e padrão em todos os novos I-PACEs desde então, usa aprimoramentos derivados da corrida para otimizar o gerenciamento de bateria, sistemas térmicos e entrega de torque em tração nas quatro rodas para aumentar o alcance.

“A Jaguar é fantástica parceira dentro e fora da pista. O sucesso do eTROPHY em levar a tecnologia pioneira que a Jaguar desenvolveu através da Fórmula E e aplicá-la a carros de produção de alto desempenho é um testemunho de suas capacidades de marca e engenharia. Na Fórmula E, estamos muito satisfeitos por ter apoiado este projeto, que mostra como habilitamos nossos parceiros a alavancar nossa plataforma para acelerar a adoção de veículos elétricos. Esperamos seguir trabalhando com a Jaguar Racing em seu programa de Fórmula E”, explicou Jamie Riegle, Diretor Executivo da Fórmula E.

Ainda não tem uma data definida para o retorno das etapas finais da segunda e derradeira temporada da Jaguar I-PACE eTROPHY.