Escolinha de Triathlon do Paraná coloca atletas mirins entre os melhores do Brasil

Crianças e adolescentes que integram o projeto sobem em seis pódios no Campeonato Brasileiro Infantil Infanto-Juvenil de Triathlon 2015

0

Os futuros campeões do esporte nacional disputaram, neste domingo (15), o Campeonato Brasileiro Infantil Infanto-Juvenil de Triathlon 2015, na cidade de Caiobá (PR). E os integrantes da Escolinha de Triathlon Formando Campeões – projeto de destaque na modalidade com base em Curitiba (PR) – se deram bem, somando seis pódios no evento, que reuniu mais de 100 atletas de 11 estados do País. “O campeonato foi um sucesso. Acredito que o evento seja o mais importante de todo o calendário anual, pois em Caiobá estavam os nossos futuros campeões olímpicos, nossos campeões de Ironman, enfim o futuro do nosso esporte”, disse o medalhista pan-americano Juraci Moreira, padrinho do projeto.

Na categoria até 11 anos, Marina Myamoto Pinheiro ficou com a prata e Henrique Mendes foi bronze. Na turma dos 12 anos, Rafael Lovrin terminou a prova em terceiro lugar. Na categoria até 13, destaque para a prata de Gabrielle Estefany Lemes. Entre os adolescentes de 14 anos , prata para Amanda Peller e bronze para Renata Trinkel. Na versão masculina, Pedro Boff da Silva ficou com o bronze.

Um fato curioso. O atleta Pedro Malacrida de 14 anos teve seu pneu furado no quilômetro 4 e mesmo assim não desistiu. Empurrou sua bicicleta por 12 quilômetros e completou a corrida depois. ”Foi sensacional sua perseverança”, contou o Sargento Ricardo Júnior Cardoso, coordenador do projeto.

Juraci Moreira acompanhou a prova dando apoio às crianças e disse que o trabalho está no caminho certo. “Mais importante que a competição é ver essas crianças e adolescentes praticando um esporte, mesmo que daqui não saiam atletas de rendimento, estamos formando cidadãos saudáveis e pessoas melhores”.

Os alunos treinam no Colégio da Polícia Militar e recebem todos suporte necessário para a prática da modalidade, como equipamentos, bicicletas, trajes, tênis, além da supervisão de profissionais qualificados.