Transat Jacques Vabre: Regata de exibição e regata oficial têm os mesmos vencedores

Vitórias do FenêtrêA Prysmian na Multi50 e PRB na IMOCA em prova que homenageou vítima de atentado na França

0
417

A Transat Jacques Vabre organizou, neste domingo (15), mais uma regata exibição entre Itajaí e Itapema com a participação de sete barcos de duas classes. E o resultado da prova de 27 milhas náuticas – 50 quilômetros foi o mesmo da travessia de 10 mil quilômetros. Vitórias do FenêtrêA Prysmian na Multi50 e PRB na IMOCA. A regata começou às 13h50 com ventos variando de 10 a 17 nós na direção Sudoeste.

O FenêtrêA Prysmian foi o Fita Azul da regata exibição, ou seja, o primeiro a cruzar a linha de chegada entre todos os modelos, independentemente do tamanho. A dupla, formada pelo francês Erwan Le Roux e pelo italiano Giancarlo Pedote, ganhou a prova com diferença de nove minutos para o Ciela Village (Thierry Bouchard / Oliver Krauss). ”Correr regatas assim é bastante divertido. Podemos passar um pouco da nossa experiência aos convidados a bordo. Foi mais uma vitória nossa aqui em Itajaí”, disse Erwan Le Roux.

Na IMOCA, mais um show da dupla francesa Vincent Riou e Sébastien Col com diferença superior a 10 minutos para o segundo colocado, o Banque Populaire VIII (Armel Le Cléac’h / Erwan Tabarly). Completaram o percurso nessa ordem: Initiatives-Coeur (Tanguy de Lamotte / Samantha Davies), Le Souffle du Nord (Thomas Ruyant / Adrien Hardy) e MACSF (Bertrand de Broc / Marc Guillemot).

A regata Transat Jacques Vabre continua com a disputa da Class40, que tem o barco brasileiro Zetra na sexta colocação. Os primeiros veleiros devem chegar a Itajaí a partir da próxima terça-feira (17).

Homenagem

Em virtude dos atentados terroristas em Paris, a organização da 29ª Marejada, tradicional festa em Itajaí (SC) e que recebe a Transat Jacques Vabre, prestou uma homenagem aos franceses, neste domingo (15), na Vila da Regata. O prefeito Jandir Bellini entregou ao organizador da regata, Gildas Galtier, flores com detalhes com as cores da França. Artistas locais cantaram a música Imagine, de John Lennon, que ficou eternizada como uma canção da paz. Os brasileiros que lotaram o píer da Vila da Regata se emocionaram com a homenagem.

”No momento em que cidadãos de Itajaí (BRA) e Le Havre (FRA) celebram o congraçamento entre os diferentes povos, chega-nos um estarrecedor exemplo de violência e intolerância. Nesse momento de dor e aflição, o povo itajaiense se solidariza e estende o seu abraço a cada irmão francês que aqui se encontra, rogando a Deus que conforte o coração das famílias atingidas pela tragédia dos atentados em Paris. A Transat Jaques Vabre é exemplo de união e respeito entre diferentes culturas. A cidade de Itajaí aplaude orgulhosamente o povo Francês que soube levar ao mundo o conceito de liberdade, igualdade e fraternidade. Que sejam todos bem vindos, sempre ao Brasil e a Itajaí”, disse o prefeito de Itajaí, Jandir Bellini.

Após a cerimônia, o público acompanhou a partida dos barcos para a regata de exibição entre Itajaí e Itapema com a participação dos IMOCA e Multi50.

Surpresa e tristeza

O atentado terrorista ocorrido em Paris, na França, deixou o mundo perplexo. Com a Transat Jacques Vabre, regata entre a França e o Brasil, não foi diferente. Porém, alguns velejadores ainda não sabiam do ocorrido. Mesmo com comunicação a bordo, a dupla brasileira do Zetra se concentrou em navegar para buscar um melhor aproveitamento na Class40 e não recebeu as notícias do incidente na capital francesa da última sexta-feira (13).

”Não estamos sabendo, o que ocorreu?”, perguntou o brasileiro Renato Araújo durante a tradicional conversa com os velejadores. Ao tomar ciência, o empresário logo mudou o tom de voz. ”É muito triste saber disso, lamentável. A gente não tem acessado a internet regularmente”.

O Zetra ocupa a sexta colocação na Class40 e já está em águas brasileiras. O barco deve chegar até o dia 23 de novembro a Itajaí para completar os 10 mil quilômetros de regata.

Sobre a TJV2015

A regata, que é disputada em duplas, larga sempre da cidade portuária de Le Havre, na Normandia, com destino a um país produtor de café, característica que lhe rendeu o apelido de “Rota do Café”. Já tendo passado por cidades como Cartagena (Colômbia), Puerto Limon (Costa Rica) e Salvador (BA) em 11 edições, essa será a segunda vez que a competição terá a cidade catarinense como chegada. Em 2013, a regata reuniu mais de 590 mil visitantes nas duas Vilas da Regata (Le Havre e Itajaí).

Mais informações no site www.transat-jacques-vabre.com/br
Facebook: https://www.facebook.com/Transat.Jacques.Vabre
Twitter: https://twitter.com/TransatJV_br