Team SCA anuncia mais uma velejadora para a Volvo Ocean Race

0
429
A britânica Dee Caffari foi recrutada pelo Team SCA para disputar a Volvo Ocean Race 2014-15. A velejadora de 41 anos se junta à equipe 100% feminina, que terá o desafio de brigar pelo título da Volta ao Mundo. O grupo tem o brasileiro Joca Signorini como treinador.
A atleta inglesa tem um currículo de peso com participações em regatas como Vendée Globe, Global Challenge, Barcelona World Race e quatro provas transatlânticas. Dee Caffari também é a única mulher a navegar em solitário ao redor do mundo em ambas as direções e por três vezes sem parar. Além disso, a velejadora bateu recorde de velocidade em monocasco com uma tripulação feminina na Round Britain.
“Estou ansiosa para voltar à regata de Volta ao Mundo. A melhor parte deste projeto é trabalhar com um grande grupo de meninas que tem o mesmo objetivo”, disse Dee Caffari.
Um pouco antes da britânica, a norte-americana Sara Hastreiter e a suíça Elodie-Jane Mettraux integraram o Team SCA. As outras velejadoras são: Sally Barkow (EUA), Carolijn Brouwer (HOL), Sophie Ciszek (AUS), Sam Davies (GBR), Abby Ehler (GBR), Stacey Jackson (AUS), Annie Lush (GBR), Justine Mettraux (SUI) e Liz Wardley (AUS). A última vez que uma equipe só de mulheres correu a Volvo Ocean Race foi na edição de 2001-02 .
Apenas 11 meninas podem navegar pela regara da Volvo Ocean Race. Uma atleta ficará de reserva. O técnico brasileiro Joca Signorini explica a regra. “Na vela, assim como em outras modalidades, o peso é um fator muito importante. Dependendo do barco e da intensidade do vento, o peso pode ajudar ou atrapalhar na velocidade do barco. As mulheres são geralmente mais leves do que os homens e essa é uma maneira de tentar equalizar o peso das tripulações”.
A equipe está sediada em Lanzarote, na Espanha, e deverá fazer duas provas transatlânticos em maio como treino. A Volvo Ocean Race larga em 4 de outubro, em Alicante.
Richard Brisius, diretor da equipe SCA, disse que ficou encantado com a forma como sua equipe foi se moldando. “Foi um processo longo, mas muito gratificante. Não há dúvida de que há várias atletas top na vela internacional. Esperamos sinceramente que a equipe irá ser um ponto de referência para a modalidade. Vamos capacitar mulheres capazes e talentosas para participar deste evento clássico”.
Até agora, cinco times confirmaram participação no evento: Team SCA (Suécia), Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos), Dongfeng Race Team (China), Team Brunel (Holanda) e Team Alvimedica (Turquia/EUA).