Home Tags Posts tagged with "Matheus Gonche"

Matheus Gonche

Matheus Gonche, nadador que defende o SESI-SP, fechou com chave de ouro o Campeonato Sul-Americano Juvenil, que foi realizado em Cali, na Colômbia. O jovem de 18 anos ganhou todas as provas individuais do nado borboleta na categoria Juvenil II (50,100 e 200 metros), além de dois ouro nos revezamentos 4×100 m medley misto e 4×100 m medley masculino. Um dos melhores desempenhos da competição continental. Matheus fez o melhor tempo da sua vida nos 50 m borboleta (25s18) e chegou muito próximo da sua melhor marca nos 200 m borboleta (2min02s22). Ele também bateu em primeiro na prova dos 100 borboleta, com o tempo de 54s69, e nos 200 m medley terminou na quarta colocação.

“Estou extremamente feliz com o resultado dessa competição, mesmo com a mudança de treino e de clube, obtive meu melhor tempo nos 50 m borboleta e cheguei perto dos meus melhores tempos nos 200 m medley e borboleta. Foi um treinamento psicológico e corporal muito forte para o Maria Lenk, que vai ser seletiva para o Mundial Júnior. Esse foi meu primeiro sul- americano e saio daqui muito satisfeito, vim para cá confiante, e agora saio daqui motivado para a próxima semana, estou muito contente” conta o atleta hexacampeão brasileiro de categoria.

O principal objetivo do semestre é o Troféu Maria Lenk, que será realizado no Rio de Janeiro entre os dias 2 e 6 de maio, e servirá como seletiva para o Mundial Júnior.”Estou pronto para mais esse desafio, quero fazer meus melhores tempos e ir atrás dessa vaga”, completa Gonche. 

Matheus Gonche acumula grandes resultados nas categorias de base da natação e já é uma promessa para os próximos Jogos Olímpicos. Ele é patrocinado pela POUPEX e OnboardSports, e é contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte.

Mais informações no site www.matheusgonche.com.br

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Matheus Gonche segue trilhando seus caminhos para Tóquio 2020. O nadador de 18 anos, que recentemente trocou o Fluminense pelo SESI-SP, foi convocado pela Confederação Brasileira de Natação (CBDA) para participar do Campeonato Sul-Americano Juvenil A e B, que será realizado entre os dias 15 e 23 de abril em Cali, na Colômbia. A entidade chamou 48 atletas, sendo 12 de cada categoria.

“Este será meu primeiro sul-americano,estou bem feliz por ser convocado para este importante campeonato. Não vou chegar lá 100%, mas vou estar em ótima forma. Esse período é próximo ao polimento para o Maria Lenk, que é a seletiva para o Mundial Junior”, disse o nadador, que deverá defender o Brasil nas provas de borboleta.

O atleta de Resende (RJ), nasceu no ano de 1999 e pertence a categoria juvenil B. O critério de convocação foi definido pelo desempenho em três competições: o XXIV Campeonato Brasileiro Juvenil (Troféu Carlos Campos Sobrinho), o XXXVIII Campeonato Brasileiro Infantil (Troféu Maurício Bekenn) e o XXXV Campeonato Brasileiro Júnior (Troféu Júlio de Lamare). Esse último foi a competição em que Gonche conquistou seu heptacampeonato nos 200m borboleta, sua prova favorita, com o tempo de 2min01s06.

Seus melhores tempos em piscina longa no borboleta são: 25s52 (50 m borboleta – 06/11/2015), 54s75 (100 m borboleta – 24/11/2016) e 1min59s46 (200 m borboleta – 20/05/16).

Natural de Resende (RJ) o atleta de 18 anos soma sete ouros e três recordes no Campeonato Estadual de Natação Junior e Senior de Inverno, no Rio de Janeiro, e outros seis ouros no Campeonato Estadual do Sul-Fluminense, além de ter ganhado sua primeira medalha em campeonatos absolutos, ficando com o bronze nos 200m borboleta na disputada do Campeonato Brasileiro Sênior e Open de Natação de 2016.

 

Matheus Gonche mostrou que tem muito potencial para ser explorado. Na disputa do Troféu José Finkel, tradicional competição da natação brasileira, encerrada neste sábado (17), o atleta de apenas 17 anos comemorou muito os tempos expressivos nas provas do estilo borboleta, encarando com muita garra os principais nadadores de elite do país.

Na piscina de 25 m do Clube Internacional de Regatas, em Santos (SP), Matheus estreou nadando os 100m borboleta, encerrando a prova com a marca de 55s08. Mas foi nos 200m borboleta, sua prova favorita, que veio a confirmação da boa fase. O atleta nadou as eliminatórias em 1min59s56 e se classificou para a disputa da Final B, onde terminou na segunda colocação, com o tempo de 1min56s70. O atleta ainda competiu nos 50m borboleta, fechando a prova em 25s13.

Os bons resultados de Matheus também foram possíveis graças a um trabalho que vem sendo realizado com uma equipe multidisciplinar. Com auxílio do fisioterapeuta Gustavo Ferraz, do preparador físico Filipe Monteiro, além claro do técnico Marcelo Silva, a performance do atleta foi otimizada, apresentando um ganho de força e resistência.

“Foram resultados surpreendentes para a idade dele. O Matheus melhorou vários aspectos, como a saída de bloco, a golfinhada que estávamos trabalhando encaixou. Ele se sentiu muito bem e certamente toda essa experiência de nadar lado a lado com os ídolos, ajudará nos próximos desafios”, destacou Marcelo Silva, treinador.

Agora o jovem de 17 anos se prepara para o Campeonato Brasileiro Junior de Verão, em João Pessoa, em outubro. A competição também é importante para preparar o nadador para o Torneio Open, principal evento do final da temporada, marcado para o fim de novembro, em Palhoça (SC).

O atleta tem foco total na Olimpíada de Tóquio 2020. Em 2016, o nadador do Fluminense já participou de outras etapas do Sul-Fluminense, se destacando em todas. Matheus Gonche tem 17 anos e acumula resultados expressivos nas categorias de base da natação. Ele é patrocinado pela POUPEX, usa Hammerhead como material esportivo e é contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. Os apoios são da Parada do Milho e academia Reserva. O nadador defende o Fluminense e é treinado por Marcelo Silva em Resende (RJ).

Matheus Gonche faz sua primeira competição com foco total em Tóquio 2020 neste fim de semana. O nadador do Fluminense participa do Torneio Sudeste de Natação Juvenil, Junior e Sênior, entre os dias 6 e 8 de maio, no Parque Aquático do Minas Tênis Clube, na cidade de Belo Horizonte (MG). O atleta provou recentemente que será um dos candidatos da natação à uma vaga na Olimpíada do Japão. Os resultados do garoto de 17 anos no troféu Maria Lenk mostraram que ele está no caminho certo. Na seletiva para a Rio 2016, o nadador de Resende fez o melhor tempo da carreira nos 100 m borboleta e 200 m borboleta, sua prova favorita. Matheus venceu a final B com 1min59s46 e fez o quinto melhor tempo no geral.

”Estou muito feliz pelos resultados no Maria Lenk. Aprendi com os atletas que vão pra Rio 2016 e tenho a certeza de que quero fazer parte do grupo em 2020, em Tóquio. A minha campanha olímpica começa agora no Sudeste de Natação”, disse Matheus Gonche.

O nadador do Fluminense estreia nesta sexta-feira (6) nos 200 m borboleta. Depois encara os 400 m livre no sábado (7) e no domingo (8) os 200 m livre e os 100 m borboleta. ”O objetivo é respeitar todas as fases de treinamento e evoluir a cada dia, pois carrego comigo um sonho e toda a torcida de Resende e da região”.

Matheus Gonche tem 17 anos e acumula resultados expressivos nas categorias de base da natação. Ele é patrocinado pela POUPEX, usa Hammerhead como material esportivo e é contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. O nadador defende o Fluminense e é treinado por Marcelo Silva em Resende (RJ).

O Troféu Maria Lenk começou nesta sexta-feira (15), no Rio de Janeiro (RJ),com a participação de Matheus Gonche. O jovem nadador do Fluminense completou a prova dos 400 m livre em 4min06s00. “O resultado foi melhor do que eu esperava, porque eu não nado essa prova faz mais ou menos um ano, e eu fiquei muito perto da minha melhor marca, pretendo me empenhar mais nela depois. Essa prova só mostrou que minha preparação para a competição está forte. Eu tô bem na competição, agora é esperar os 200 m borboleta”.

Em busca de seus melhores resultados, o nadador ainda compete em duas provas – os 200 m borboleta e os 100 m borboleta. O atleta, que trabalha com planejamento focado para Tóquio 2020, nada no domingo (17) os 200 m borboleta – seu principal foco. Nessa prova ele é hexacampeão brasileiro de categoria e detentor de três recordes nacionais. Matheus está balizado com o tempo de 02min01s37, o índice da prova é de 1min56s97. “Espero abaixar meu tempo,nadar bem e pegar a final A, agora é só esperar e fazer uma prova boa”.

No último dia de competições (20), ele nada os 100 m borboleta. A prova já lhe rendeu cinco títulos nacionais de base,seu melhor tempo é de 55s68 (o índice da prova é de 52s36). A disputa, que vai até dia 20, ocorre no Parque Olímpico da Barra, mesmo local onde serão realizados os Jogos Olímpicos, e é a última chance para definir as vagas brasileiras na modalidade.

Em 2015, Matheus Gonche ganhou duas medalhas no Multinations Youth Swimming Meet, em Portugal, quatro medalhas no Campeonato Sudeste de Natação, em Belo Horizonte (MG), três medalhas no Campeonato Brasileiro Juvenil de Inverno em Recife (PE), quatro medalhas no Campeonato Estadual Juvenil de Inverno (RJ). Matheus Gonche é patrocinado pela POUPEX e contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. O nadador defende o Fluminense e é treinado por Marcelo Silva.

Matheus Gonche venceu todas as suas provas na 2ª etapa do Circuito Carioca de Natação, disputado na piscina do Mourisco Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ), no último fim de semana. O atleta do Fluminense e de Resende (RJ) ganhou ouro nos 50 m borboleta (26s55), 100 m borboleta (57s38), os 200 m borboleta (2min06s46) e também os 200 m medley (2min14s61). ”Foi um resultado muito bom e que me enche de confiança para o Troféu Maria Lenk. Vencer é sempre bom, mas busco nadar melhor a cada dia. Meu foco na seletiva olímpica será os 200 m borboleta. Sei que ainda tenho muito a melhorar, mas estou focado nessa evolução constante”, disse o nadador de 17 anos.

O jovem Matheus Gonche também foi o destaque da primeira etapa do Circuito, com ouro em todas as provas do borboleta. Em 2015, Matheus Gonche ganhou duas medalhas no Multinations Youth Swimming Meet, em Portugal, quatro medalhas no Campeonato Sudeste de Natação, em Belo Horizonte (MG), três medalhas no Campeonato Brasileiro Juvenil de Inverno em Recife (PE), quatro medalhas no Campeonato Estadual Juvenil de Inverno (RJ). Matheus Gonche é patrocinado pela POUPEX e contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. O nadador defende o Fluminense e é treinado por Marcelo Silva.

Matheus Gonche está escalado para a disputa do Iº Circuito de Natação FARJ 2016, marcado para o domingo (6), na piscina do Mourisco Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ). O nadador de Resende (RJ), que se prepara para a seletiva olímpica de abril, terá pela frente as provas dos 50 m borboleta, 100 m borboleta e 200 m borboleta, sua especialidade. ”Estou confiante e cheio de vontade de voltar à rotina de competições. É um ano especial”, disse Matheus Gonche, que defende as cores do Fluminense.

O grande foco do atleta é a disputa da seletiva olímpica – Troféu Maria Lenk 2016, que será em abril, também no Rio de Janeiro (RJ). Será a última chance de classificação para os Jogos Olímpicos.

Em 2015, Matheus Gonche ganhou duas medalhas no Multinations Youth Swimming Meet, em Portugal, quatro medalhas no Campeonato Sudeste de Natação, em Belo Horizonte (MG), três medalhas no Campeonato Brasileiro Juvenil de Inverno em Recife (PE), quatro medalhas no Campeonato Estadual Juvenil de Inverno (RJ). Matheus Gonche é patrocinado pela POUPEX e contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. O nadador defende o Fluminense.

O jovem atleta Matheus Gonche está em João Pessoa (PB) para a disputa do 24º Troféu Carlos Campos Sobrinho, válido como Campeonato Brasileiro Juvenil de Natação. E nesta quinta-feira (26), o garoto de Resende (RJ) terá a chance de pódio na competição nas provas dos 100 m borboleta e 200 m livre. No evento, o nadador tem como principal objetivo ganhar o hexa nos 200 m borboleta, sua prova favorita – será no sábado (28). ”A minha meta desse brasileiro é continuar como campeão dos 200m borboleta e nas outras provas tentar pegar pódio. Não terminei meu ciclo, mas mesmo assim vou tentar buscar o melhor resultado. Meu foco é o Open, que vale vaga olímpica. sei que é difícil, mas vou tentar”, disse o jovem de 16 anos que defende as cores do Fluminense.

No Brasileiro, Matheus Gonche é também pentacampeão dos 1.500 m livre, tetra dos 100 m borboleta e 400 m livre. O nadador também participa de alguns revezamentos pelo Fluminense

Em 2015, Matheus Gonche ganhou duas medalhas no Multinations Youth Swimming Meet, em Portugal, quatro medalhas no Campeonato Sudeste de Natação, em Belo Horizonte (MG), três medalhas no Campeonato Brasileiro Juvenil de Inverno em Recife (PE), quatro medalhas no Campeonato Estadual Juvenil de Inverno (RJ). Matheus Gonche é patrocinado pela POUPEX, GERAÇÃO Y e contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. O nadador defende o Fluminense.

Matheus Gonche fez bonito na sua última participação no tradicional Troféu Chico Piscina, competição que revela talentos na modalidade disputada em Mococa(SP). O atleta de 16 anos conquistou três medalhas individuais e duas nos revezamentos defendendo a seleção do Rio de Janeiro de natação. Além dos resultados, o garoto de Resende (RJ) ajudou o seu estado a terminar na segunda colocação na classificação geral do evento – no ano passado o Rio de Janeiro ficou em quarto. Feliz com seu desempenho, Matheus Gonche espera evoluir ainda mais nas piscinas e confirmar nos próximos anos que é uma das esperanças de medalha para o Brasil na modalidade.

”Gostei bastante dos meus resultados em Mococa, principalmente da forma como nadei. O dia mais pesado foi na sexta com três provas e três medalhas. Foi uma volta pra mim aos meus bons tempos na temporada, justamente no meu último ano de Mococa. Agora é continuar treinando muito e buscando sempre evoluir!”, disse Matheus Gonche.

O nadador do Fluminense abriu o evento com um bronze nos 400 m livre com 4min05s83. Depois, Matheus ganhou o bronze nos 200 m medley – 2min12s58 – e o ouro nos 100 m borboleta – 55s75. As medalhas nos revezamentos foram a prata nos 4×100 m medley e o bronze nos 4×100 m livre. O atleta finalizou sua história no Chico Piscina após três edições com seis medalhas individuais.

Em 2015, Matheus Gonche ganhou duas medalhas no Multinations Youth Swimming Meet, em Portugal, quatro medalhas no Campeonato Sudeste de Natação, em Belo Horizonte (MG), três medalhas no Campeonato Brasileiro Juvenil de Inverno em Recife (PE), quatro medalhas no Campeonato Estadual Juvenil de Inverno (RJ). Além desses eventos, o atleta de Resende (RJ) ainda irá disputar o Campeonato Carioca Juvenil, Campeonato Carioca Absoluto, Campeonato Brasileiro Juvenil de Verão em João Pessoa (PB) e o Open de Natação em Palhoça (SC). Matheus Gonche é patrocinado pela POUPEX, GERAÇÃO Y e contemplado pela Bolsa Atleta do Ministério do Esporte. O nadador defende o Fluminense.

Matheus Gonche começou bem o Troféu Chico Piscina 2015, evento de natação infanto-juvenil disputado em Mococa, interior de São Paulo. Nesta quinta-feira (8), o atleta do Fluminense e da Seleção do Rio de Janeiro ficou com o bronze nos 400 m livre, com a marca de 4min05s83. O garoto de Resende (RJ) está escalado ainda para os 100 m borboleta, 200 m medley e mais três revezamentos com seus companheiros da seleção carioca.