Paranaense é campeã sul-americana júnior de triathlon

0
90

Gabrielle Lemes mostrou neste sábado (10) porque é uma das melhores apostas do Brasil na nova geração do triathlon. Em sua estreia no Campeonato Sul-Americano de Sprint Triathlon em Montevidéu, a triatleta de apenas 16 anos venceu adversárias mais experientes, de até 19 anos, na categoria júnior, sagrando-se campeã com 01h09min38s. A vitória teve gosto de superação para a integrante da Seleção Escolinha de Triathlon Alto Rendimento. Na fase final de treinos, Gabrielle enfrentou uma séria lesão no ombro, que por pouco não a tirou da disputa.

“A vitória de hoje teve um sabor inimaginável. A Gabrielle vinha treinando muito bem, mas, como num enredo de filme, machucou-se gravemente no ombro. Mesmo assim, ela jamais desistiu. Foram 45 dias nadando com um braço só, intermináveis séries de pernada”, explicou Ricardo Júnior Cardoso, coordenador do projeto.

Os médicos constataram um rompimento parcial de tendão em Gabrielle. Em busca da recuperação, a equipe da Escolinha de Triathlon seguiu um trabalho diário de fisioterapia e também um trabalho mental junto à jovem atleta. Na quarta-feira, às vésperas da viagem, uma nova ressonância mostrou a restauração do tendão.

“A Gabrielle se superou e trouxe para casa este presente para todo o nosso time e para o Brasil. Quero agradecer a todos pela conquista. Ao Juraci Moreira, gestor do nosso projeto que nunca desistiu do seu plano e da confiança que nos deposita. Ao Major Toniolo, que, no comando do Colégio da Polícia Militar do Paraná, nos apoia com todos os espaços para o treinamento da equipe. Ao Luiz Iran, presidente da FPTri. A todos os profissionais da Academia Incorp, que trabalharam com afinco para que isso fosse possível. A todos pais que nos confiam seus filhos a praticar este lindo esporte. À minha esposa e filhos, que me apóiam e me permitem abdicar do tempo com eles para a realização deste trabalho. A Deus por permitir tudo isso”, enumerou Ricardo, destacando o trabalho conjunto de toda a equipe. “Descrevo tudo isso com lágrimas nos olhos, pois é muito bom viver para ver mais essa conquista.”

A prova foi disputada na Playa Ramírez, em Montevidéu, com as distâncias de 750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida. Com a vitória, Gabrielle Lemes garantiu vaga para o Campeonato Panamericano Júnior, marcado para o dia 23 de junho em Brasília. Além dela, a Seleção Escolinha de Triathlon Alto Rendimento teve outros dois representantes no Uruguai, Alice Forti Tinelli e Pedro Henrique Boff.

Seleção Escolinha de Triathlon Alto Rendimento reuniu para a temporada 2018 os dez atletas com maior potencial para o alto rendimento, entre os 60 alunos da Escolinha de Triathlon Formando Campeões, consagrando um trabalho de quatro anos no desenvolvimento das categorias de base do triathlon no Paraná. Na nova equipe, os dez atletas selecionados passarão a receber uma ajuda de custo mensal e serão direcionados para as principais competições brasileiras e internacionais, visando as classificações olímpicas.

Seleção Escolinha de Triathlon Alto Rendimento foi viabilizada pela Lei de Incentivo ao Esporte, com apoio da Federação Paranaense de Triathlon e do Colégio da Polícia Militar do Paraná. Os patrocinadores são Banco Safra, Sanepar, Elejor e Governo do Paraná.