Natação: Jessica Bruin nada por vaga olímpica nos 200 m livre

0
253

A nadadora Jessica Bruin está pronta para a última seletiva olímpica da natação, que vai definir a seleção brasileira para a Rio 2016. O Troféu Maria Lenk será disputado na própria piscina da Olimpíada e reunirá, de 15 a 20 de abril, os melhores atletas da modalidade do Brasil e de 11 países. Entre as quatro melhores nos 200 m livre, o que a coloca no revezamento 4×200 m livre, a mineira quer também disputar a prova individual nos Jogos. O índice para a prova é de 1min58s96. ”Estou me sentindo bem, trabalhei muito em cima do psicológico, do físico e principalmente o lado técnico. Estou pronta para dar o meu melhor resultado, mas a minha melhor fase espero que ainda esteja por vir”, disse Jessica Bruin. A prova está marcada para o domingo (17). A nadadora deve competir ainda os 200 m borboleta, 100 m livre e 800 m livre.

O melhor tempo da atleta do Sesi-SP nos 200 m livre é 1min59s77 (obtido no Open de 2015), mas nos treinamentos em São Paulo com o treinador Fernando Vanzella, Jessica conseguiu superar sua principal marca. No Sul-Americano do Paraguai, por exemplo, a nadadora fechou a prova na casa do 2 minutos sem estar 100% preparada. ”Mudei minha dieta, passei a malhar mais forte, e trabalhei muita técnica para aplicar melhor minha força na água. Por ser a seletiva olímpica já me motiva. Mas com a entrada das estrangeiras no Maria Lenk aumenta o nível técnico da prova, mas a competitividade em uma seletiva é intensa independente de qualquer fator extra”.

A mineira, duas vezes medalhista pan-americana, foi uma das responsáveis pela classificação brasileira no revezamento 4×200 m livre para a Rio 206. No Mundial de Kazan, em agosto de 2015, ela, Manuella Lyrio, Joanna Maranhão e Larissa Oliveira terminaram as eliminatórias em 10º lugar e garantiram o lugar do time nas Olimpíadas.

Jessica Bruin Cavalheiro tem 24 anos e defende as cores do Sesi-SP. Mineira de Belo Horizonte (MG), a atleta é treinada por Fernando Vanzella e tem o patrocínio dos Correios. Jiba, como é carinhosamente chamada pelos amigos, é pentacampeã brasileira dos 200 m livre e é duas vezes medalhista de prata pan-americana. Jessica deu as primeiras braçadas ainda criança. Aos 10 anos já integrava a equipe do Minas Tênis Clube. A atleta também passou pelo Fluminense.