Não está mais encalhado! Barco Team Vestas Wind é retirado de banco de areia

0
357

O barco Team Vestas Wind, que encalhou em uma remota ilha do Oceano Índico, foi retirado do banco de areia neste domingo (21). O processo de resgate durou três dias e contou com especialistas na área e a ajuda do comandante da equipe dinamarquesa, Chris Nicholson. O veleiro estava preso desde o dia 29 de novembro, data do incidente que tirou o Vestas Wind da segunda perna da Volvo Ocean Race. Agora, o próximo objetivo é juntar os cascos e ver se o barco pode ser reformado.

“A recuperação foi possível graças a um planejamento meticuloso, com vários cenários analisados e detalhados. O plano foi resgatar o mais intacto possível”, disse o chefe de operações da Volvo Ocean Race, Tom Touber.

Após ser cuidadosamente retirado do banco de areia, o barco foi içado em um navio cargueiro da Maersk Line. O gerente do Team Vestas Wind, Neil Cox, e o comandante do barco, Chris Nicholson, supervisionaram todo o processo.

“Estamos aliviados em saber que a operação de levantar o barco foi um sucesso. Tudo graças ao grande trabalho em equipe envolvendo Maersk, a nossa equipe, a Volvo Ocean Race e as pessoas locais”, disse Morten Albæk, coordenador a campanha dinamarquesa na Volta ao Mundo. “Queríamos preservar as questões ambientais, primeiramente. A missão foi cumprida”.

No início de 2015, o Team Vestas Wind vai anunciar quais serão os caminhos tomados pela equipe no decorrer da Volvo Ocean Race. O barco será transportado das Ilhas Maurício, local do acidente, até a Malásia, antes de seguir viagem para a Europa, mais precisamente para a Itália, onde deverá ser reconstruído.