Matheus Santana confirmado no Raia Rápida 2015

Nadador quer repetir desempenho do ano passado e ajudar o Brasil no evento, que ocorre em 13 de setembro

0
589

Matheus Santana foi confirmado como um dos quatro representantes do Brasil no Desafio Raia Rápida 2015, evento inovador da natação, que ocorre na piscina do Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ), no dia 13 de setembro. O time verde e amarelo terá também Daniel Orzechowski (costas), Felipe França (peito) e Nicholas Santos (borboleta). Os adversários dos brasileiros serão os quartetos de África do Sul, Estados Unidos e Itália. “Tive a oportunidade de participar em 2014 e gostei. É um formato dinâmico e que agrega muito para a natação. Temos um time forte para defender o título do Raia Rápida”, disseMatheus Santana.

O Raia Rápida é uma disputa diferente das competições tradicionais. São quatro séries eliminatórias e o atleta que chegar em último deixa a disputa. O desafio é completado com o revezamento 4×50 medley reunindo os quatro times. A equipe com maior pontuação nas duas fases será a campeã.

Na edição de 2014, o Brasil, além de faturar o título, conquistou ainda a melhor marca mundial no 4x50m medley, com o tempo de 1min37s68. O quarteto foi formado por Matheus Santana, Nicholas Santos, Felipe França e Guilherme Guido.

Finkel

O nadador Matheus Santana ajudou a Universidade Santa Cecília a terminar na quarta colocação o Troféu José Finkel 2015, disputado na semana passada em São Paulo (SP). Além de nadar os revezamentos, o atleta faturou duas medalhas: prata nos 100 m livre (48s82) e bronze nos 50 m livre (22s22).

“Achei a participação do Matheus muito boa! Ele nadou próximo do melhor tempo tanto nos 50m como nos 100m livre, além de ter um desempenho interessante nos 200m livre no revezamento. O garoto voltou muito motivado do Mundial de Kazan. Agora é acertar os detalhes para a Olimpíada, mas primeiro tem duas eliminatórias”, contou Márcio Latuf, treinador do atleta.

Matheus Santana tem apenas 19 anos e já está no hall dos grandes nomes da natação brasileira e mundial. O nadador carioca tem resultados expressivos, que chamam a atenção na prova dos 100 m livre. O recorde mundial júnior – 48s25 – e as três medalhas na Olimpíada da Juventude, incluindo a de ouro na distância, são suas marcas importantes. Em 2015, o nadador conquistou ouro no Pan de Toronto no revezamento 4×100 m livre e o quarto lugar na mesma prova no Mundial de Kazan. O atleta defende a Unisanta e tem os patrocínios de Embratel, Correios e RP4.