Henrique Barbosa fala sobre a nova gestão da CBDA

0
190

Leia na íntegra a coluna do LANCE! do ex-nadador e diretor da Dream Big Club sobre a eleição de Miguel Cagnoni.

Nós vamos cobrar

Olá amigos leitores do LANCE! Fico grato por poder colaborar mais uma vez nesse espaço, justamente em um momento histórico e delicado das modalidades aquáticas. Na última sexta-feira, os praticantes e atletas da natação, saltos ornamentais, maratonas aquáticas e polo aquático tiveram a notícia da eleição – bastante previsível – do paulista Miguel Carlos Cagnoni – para presidir a CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos). A vitória dele acaba de maneira oficial com os mais de 30 anos da presidência de Coaracy Nunes, que está preso junto com ex-diretores da entidade por corrupção. Situação nada positiva para a nossa imagem internacionalmente.

As ideias de renovação e gestão são super bem-vindas e não tem como voltar aos métodos antigos. Retrocesso jamais. Foi histórica a foto de Leo de Deus votando na eleição de sábado, mas nós atletas não vamos parar por aí, queremos que outros representantes da modalidade tenham esse poder de fotos e de vez assumam o poder.

O movimento #nossomosanatacaobrasileira não acaba aqui. Foi dada a chance ao novo presidente e ele teve apoio de muitos atletas! Isso não garante que a coisa vai mudar. Só vai mudar se a gestão eleita cumprir suas metas. Nada vai adiantar se as novas gerações não receberem atenção devida. O que se vê hoje é o descaso. Temos que estimular a base com mais competições, além de fazer o esporte se tornar mais popular e alcançar o país inteiro, de norte a sul. A nova administração terá muito trabalho a fazer. Acredito que o maior desafio será a fazer com que tudo seja transparente. Coisa que até então a CBDA nunca demonstrou ser. Além de trazer para perto o principal foco de tudo, o atleta.

A Confederação tem ter a porta aberta para os atletas. No entanto, os atletas sendo mais ativos politicamente tem que se unir para o prol do esporte deixando o “velho” individualismo para trás. Acredito que estamos no caminho certo e esse dia histórico irá trazer muitos benefícios para o nosso esporte. Espero em breve ver um de nós (atletas) assumindo a Confederação. Obrigado pelo espaço e #somostodosanatacaobrasileira