Festival de Natação com Gustavo Borges atrai as atenções para o esporte em Itu

0
250

O clima é de descontração, com muita diversão na água. O Festival de Natação do projeto Nadando com Gustavo Borges deve reunir cerca de 200 alunos das escolinhas da prefeitura e o medalhista olímpico e ídolo da garotada, na piscina do Conjunto Aquático Cel. Fiori Marcelo Amantéa, dia 25, a partir das 9 horas. Mas o evento também tem como objetivo aproximar ainda mais o esporte da população e atrair futuros talentos, mantendo a tradição da cidade na modalidade.

“O Festival de Natação é mais uma forma de motivar os alunos, com a presença da família e dos amigos assistindo às provas, nas arquibancadas. E a presença de um ídolo como o Gustavo Borges também é muito importante para incentivar as crianças”, destaca Gilberto Rodrigues Oliveira, o Giba, coordenador de esportes da prefeitura de Itu.

Giba aponta ainda como o projeto Nadando com Gustavo Borges integrou-se com o trabalho da prefeitura na natação. “Sempre tivemos bons nadadores em Itu, desde a década de 70, 80. Mas, com a construção do Conjunto Aquático, ampliamos o acesso ao esporte. E o projeto Nadando com Gustavo Borges veio reforçar esse trabalho, a partir de 2014, com o uso de uma metodologia unica, que uniformizou o ensino nas nossas escolinhas.”

Coordenador do Conjunto Aquático desde 2008, o técnico Marcelo Matiusso já treinou atletas como o nadador olímpico Marcelo Chiereghini e Marcos Vinícius Ferrari de Oliveira, hoje no Minas Tênis Clube, e também vê um impacto positivo do Nadando com Gustavo Borges sobre a natação ituana.

“O projeto trouxe muitas coisas boas, com as onze raias novas da piscina, e todo o material didático das aulas para as crianças e adolescentes. Hoje, estamos colhendo os primeiros frutos desse trabalho, com alunos participando de suas primeiras competições estaduais. Temos cerca de 800 alunos, entre natação e hidroginástica. Agora, precisamos massificar o acesso à natação, para depois buscarmos a qualidade, os novos talentos. E o Festival de Natação ajuda a dar essa visibilidade que procuramos.”

Nadando com Gustavo Borges
O projeto social Nadando com Gustavo Borges foi criado em 2014, com aulas para 220 alunos da rede pública de Itu. A cidade foi escolhida por já ter uma infraestrutra adequada, com um complexo aquático anexado ao Estádio Noveli Júnior e professores de natação contratados pela prefeitura.
A iniciativa é do Instituto Gustavo Borges, viabilizada pela Lei de Incentivo ao Esporte, e conta com a execução da Prefeitura da Estância Turística de Itu (SP). O projeto tem o patrocínio de Takeda, ABL, Tenneco, Cereser e Castelo.

Sobre Gustavo Borges e a Metodologia
Idealizador da metodologia que leva seu próprio nome, Gustavo caiu na água pela primeira vez aos cinco anos, em Ituverava, interior de São Paulo, e se destacou mundialmente com títulos, pódios e até com o Hall da Fama da modalidade. Hoje, o campeão das piscinas reforça que o método é diferenciado por unir capacitação profissional, estrutura e troca de experiência.

Gustavo Borges é assessorado por uma equipe multidisciplinar que desenvolve o método de maneira profissional. Praticamente durante o ano inteiro, os especialistas credenciados apresentam pelo Brasil as ferramentas práticas e a estrutura organizada de trabalho propostas pelo método para facilitar a relação entre gestor, coordenador, professor e aluno.

Além do sistema em escolas credenciadas, o medalhista olímpico é sócio em cinco academias: uma em São Paulo, no bairro do Morumbi, uma em Londrina (PR) e três em Curitiba (PR). Gustavo conquistou quatro medalhas (duas pratas e dois bronzes) em três Olimpíadas: Barcelona-92, Atlanta-96 e Sidney-2000. Com 19 pódios, é o segundo maior medalhista brasileiro em Jogos Pan-Americanos.

Saiba mais sobre o projeto em: http://www.academiagb.com.br/portal/gustavoborges/projetos/nadando-com-gustavo-borges/