Belga vence ePrix de Marrakesh; Apenas Di Grassi pontua entre os brasileiros

0
38

O segundo ePrix da temporada 2018-19 da ABB Formula E, disputado neste sábado (12), em Marrakesh, no Marrocos, teve vitória do belga Jérôme D’ Ambosio (Mahindra Racing).
O pódio foi completado pelo holandês Robin Frijns e o britânico Sam Bird, ambos da Envision Virgin Racing.

O piloto contou com um erro da dupla da BMW i Andretti Motorsports que liderava a corrida faltando menos de oito minutos para o fim.Vencedor da última prova, o português Antônio Felix da Costa se envolveu em uma colisão com o britânico Alexander Sims, que de segundo foi parar em quarto.

O português abandonou e as imagens oficiais da Formula E mostraram o piloto desolado na grade que separa o público da pista.

Melhor para Jérôme D’ Ambosio, que estava em terceiro e só administrou a ponta, comemorando sua terceira vitória na carreira na categoria.

Com o resultado na pista anexa ao Circuito Internacional de Automóveis Moulay El Hassa, o belga assumiu a liderança mundial dos carros elétricos com 40 pontos. Antônio Felix da Costa (BMW i Andretti Motorsports) e o francês Jean-Eric Vergne (DS Techeetah) têm 28 pontos.

Sobre a corrida
Logo na primeira curva, o francês Jean-Eric Vergne (DS Techeetah) tentou ultrapassar o pole position Sam Bird (Envision Virgin Racing) e rodou, parando em 19º lugar.
O atual campeão foi obrigado a fazer uma prova de recuperação terminando em quinto lugar.

Os brasileiros não tiveram um fim de semana positivo.

Apenas o paulista Lucas di Grassi (Audi Sport ABT Schaeffler) pontuou, terminando o ePrix em sétimo lugar.

O brasileiro fez a volta mais rápida e somou um ponto de bonificação.
Nelson Piquet Jr. (Panasonic Jaguar Racing) teve problemas na largada após a confusão entre Jean-Eric Vergne (DS Techeetah) e Sam Bird (Envision Virgin Racing) e caiu para as últimas posições.

O piloto não conseguiu entrar na zona de pontos.

Felipe Massa, que fez sua segunda corrida na categoria, ficou em último lugar.

A próxima corrida será no dia 26 de janeiro em Santiago, no Chile.