Fórmula E: Batida com holandês deixa brasileiro Lucas di Grassi furioso

0

Furioso, Lucas di Grassi quer penalidade para holandês após ePrix de Sanya.

“Você bateu em Buemi e acabou com a minha corrida!”, disse furiosamente o piloto brasileiro da Audi Sport Abt Schaeffler, Lucas di Grassi, ao encontrar o holandês Robin Frijns, da Envision Virgin Racing, momentos depois do ePrix de Sanya, disputado na madrugada deste sábado (23).

“Vocês bateram e isso me tirou da corrida – espero que você consiga uma penalidade”, contou o brasileiro.

Minutos antes do final da prova, uma batida entre três carros tirou as chances do brasileiro conseguir um melhor resultado.

O suíço Sebastien Buemi, da Nissan e.dams, estava envolvido na colisão com Frijns e di Grassi. “Isso só me tirou  três lugares [na classificação], ou seja, eu perdi oito pontos”, disse di Grassi.

“Eu não me importo de quem é a culpa – eu acho que é culpa da Robin e do Buemi – eles colidiram um com o outro e eles se chocaram contra mim.

“Da próxima vez, vou me afastar de Robin. Não havia nada que eu pudesse fazer para evitar isso.”

Ansioso para defender sua posição, Robin Frijns reagiu ao brasileiro. “Como eu posso bater em Buemi se ele está atrás de mim? Não foi minha culpa! Você deve ser honesto consigo mesmo e dizer isso! Buemi me bateu – fim da história”

“Eu fechei a porta do Buemi, freei bem cedo para fazer a curva e então tive um grande impacto por trás, minhas rodas foram lançadas para o ar. Eu não vejo como eu poderia ser culpado por isso”.

Com tempo para considerar as filmagens, a FIA – órgão regulador do automobilismo – penalizou Buemi, dando ao suíço uma penalidade de 10 segundos por causar uma colisão, o que o fez cair para o nono lugar nos resultados da corrida.

Para Di Grassi, o que poderia ter sido um sexto lugar no campeonato, foi um abandono sem pontos! O brasileiro caiu de terceiro para sexto lugar no geral.

Acesse a classificação completa da ABB Fórmula E